CIBiogás define por eleição as empresas que irão compor a governança do Centro até 2027

A eleição da nova composição do Conselho de Administração e Fiscal do Centro ocorreu seguida por Rodada Estratégica com associados e membros do Centro.

CIBiogás define por eleição as empresas que irão compor a governança do Centro até 2027
Foto: Divulgação/ CIBiogás
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Brasil
Estratégias & Desenvolvimento

CIBiogás define por eleição as empresas que irão compor a governança do Centro até 2027

A eleição ocorreu seguida por Rodada Estratégica com associados e membros do Centro.

Na última sexta-feira de agosto (01/09/2023), o Centro Internacional de Energias Renováveis (CIBiogás) firmou a eleição da Compagas, Itaipu Binacional, Aggreko, Copel, UBE Industries, Parque Tecnológico Itaipu (PTI) e Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), para o Conselho de Administração, e as associadas Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP), Parque Tecnológico Itaipu (PTI) e Frimesa para o Conselho Fiscal do Centro.

Rafael Gonzalez, diretor-presidente do CIBiogás comenta a importância da construção de protagonismo do biogás e biometano na transição energética e um futuro mais sustentável e que a nova composição do Conselho de Administração e Fiscal do Centro, permite dar continuidade aos trabalhos já desenvolvidos até o momento e também o olhar do futuro da instituição, que tem como missão transformar o potencial em realidade de mercado, projetos e empreendimentos.

“Um pouco do que estamos provocando é isso: construir uma ação de network e também entender como o CIBiogás pode trabalhar no futuro e ajudar vocês a desenvolverem mais negócios. Ficamos felizes pela presença de todos e pelo interesse em fazer parte deste ecossistema. O CIBiogás vai trabalhar para desenvolver novos negócios, novas ações com vocês de forma assertiva e estratégica a partir da moção pública e privada com a entrega de resultados seguros para impulsionar a bioeconomia, sempre.”

Tempo de renovação

Os presentes tiveram a oportunidade de votar em sete empresas, das nove candidatas para a composição do CAD. O mandato para o Conselho de Administração tem duração de três anos, enquanto o Conselho Fiscal tem duração de quatro anos, a duração foi novidade na eleição, onde foram adotados as boas práticas da governança para melhor transição dos Conselhos. 

Rafael Fuentes, diretor de Integração do Instituto de Desenvolvimento do Paraná IAPAR/EMATER e então presidente do Conselho de Administração do CIBiogás.  comemorou a adesão às candidaturas “A presença de nove candidaturas é motivo de orgulho para nós”, afirma Fuentes.

O CIBiogás fecha o primeiro semestre na intenção de fortalecer ainda mais o posicionamento perante todo o mercado brasileiro sobre as energias renováveis com foco no biogás. As regulações e novas legislações são o principal objetivo para a conversão de ideias em grandes iniciativas com investimentos consistentes. Com a liderança renovada, os agentes têm a oportunidade e missão de, juntos, elaborarem estratégias eficazes para a enfim democratização do uso da fonte do biogás e biometano em todo o território nacional.

Rafael Nascimento, representante da Copel e conselheiro eleito do Centro, afirma que os órgãos reguladores precisam de impulso para contribuir com o setor de biogás e que a Copel está olhando para novos modelos de negócios para identificar outras oportunidades no mercado de energia.

“Hoje conseguimos compartilhar diversas impressões e expectativas com as outras empresas e que estão aliadas com a nossa visão como futuro do setor. Enxergamos o biogás como um energético extremamente estratégico e ele vai passando por novas fronteiras de utilização. Então o biogás tem um futuro bastante promissor e a Copel quer continuar participando deste futuro e de novos projetos que envolvem o biogás.”

Rodada Estratégica

Após a assembleia de eleição, o CIBiogás promoveu um encontro estratégico com membros Partner e Smart do BiogasClub, para discutir novos passos para o setor com dados exclusivos expostos pelo diretor de desenvolvimento tecnológico do CIBiogás, Felipe Marques

Marques compartilhou resultados apresentados no último Release Econômico, material exclusivo para associados mantenedores e membros do CIBiogás,  que contém dados relevantes  e perspectivas sobre o mercado de biogás e biometano. O diretor também apresentou uma prévia do Panorama do Biogás no Brasil 2022, que será lançado oficialmente no dia 04 de setembro pelo CIBiogás.

“O Panorama do Biogás revela que o Paraná, Minas Gerais e São Paulo são estados avançados na agenda de biogás. Especialmente em relação ao Biometano, percebemos que o uso na mobilidade promoveu ações importantes conectadas com a descarbonização. Estados com agenda clara para o tema avançaram mais que os demais. A expectativa é que os estados trabalhem forte para promover agenda positiva para descarbonização, incentivando mais projetos de biogás.”

A rodada estratégica é uma ação exclusiva do CIBiogás com os membros que fazem parte da rede de relacionamentos do Centro. O encontro foi promovido para a discussão de estruturação de ações para potencializar as conexões da rede de empresas que podem corroborar para a evolução sustentável, econômica e social e do biogás e biometano.

Rogério Meneghetti, conselheiro eleito da Itaipu Binacional, relata que esse processo de governança do CIBiogás e escolha do novo Conselho é primordial para o desenvolvimento e continuação da instituição como um todo. 

“A Itaipu participou da formação dessa instituição há 10 anos atrás e é muito bom ver que essa transparência sempre se manteve e, para nós, é um orgulho fazer parte disso. Essa é uma rota estratégica, a Itaipu pretende continuar atuando em energias renováveis com foco no biogás e agora para todo o Paraná e a expectativa é que o CIBiogás continue nos apoiando neste desenvolvimento.” compartilha Meneghetti.

Panorama do Biogás

O Panorama do Biogás no Brasil 2022 vai compartilhar todos os dados do setor de biogás que influenciaram o mercado no último ano. O documento confirma o destaque da energia elétrica e biometano como aplicações que tiveram o maior crescimento e que devem continuar tendo investimentos voltados para o fortalecimento da matriz energética do Brasil. 

Jefferson Rejaile, diretor da RDP, compartilha que o desenvolvimento do biogás no Brasil para energia elétrica ou biometano tem um papel único, e que o CIBiogás é protagonista no acolhimento de todos que fazem parte deste ecossistema: “O CIBiogás, como centro de excelência, dentro do aspecto regulatório, tem muito a contribuir. Fomos responsáveis por inserir o biogás no mapa do cenário nacional.”

Lançado exclusivamente para os membros da rede BiogasClub, o Panorama do Biogás no Brasil 2022 será lançado oficialmente para o público interessado no dia 04 de setembro em uma live no YouTube do CIBiogás (acesse aqui: https://www.youtube.com/@CIBiogas/streams). 

A transmissão contará com a presença da Empresa de Pesquisa Energética e vai trazer mais números sobre o desenvolvimento do setor de biogás e biometano no Brasil. Nos dias 05 e 06 o canal no YouTube também vai compartilhar cases das empresas: Aggreko, UBE Industries e 3DI Engenharia que fizeram a diferença no setor em 2022. Confira a programação nas redes sociais do CIBiogás: @cibiogasoficial.

Saiba mais:

O CIBiogás - Centro Internacional de Energias Renováveis e Biogás é uma instituição de Ciência e Tecnologia com Inovação, dedicada ao desenvolvimento do biogás como recurso energético limpo e competitivo, com o objetivo de promover o mercado de energias renováveis. 

Iniciado há mais de 10 anos com a intenção de solucionar as questões ambientais envoltas na região Oeste do Paraná, o CIBiogás surgiu a partir de uma iniciativa da Itaipu Binacional e do Parque Tecnológico de Itaipu para executar ações que desenvolveram o tema biogás e toda a cadeia de produção e fornecimento. Até hoje, as instituições são parceiras em diversos projetos relacionados ao biogás e biometano em todo o Brasil e de outros combustíveis avançados, como o hidrogênio a partir de biogás. 

Na competência de centro de referência, o CIBiogás desenvolve a cadeia de biogás, visando aumentar a oferta e participação do biogás na matriz energética brasileira, atuando em todas as etapas da cadeia. O CIBiogás possui o 1º Laboratório de Biogás no Brasil acreditado pela Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro – CGCRE na norma ISO 17025:2017, para o ensaio de Potencial Bioquímico de Metano. https://cibiogas.org/

Gostou do assunto?

Quer saber mais sobre o biogás no Brasil?




Fonte: CIBiogás.

Esta notícia não é de autoria do Portal Energia e Biogás ®, desta forma, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são da fonte citada.

AVISO! O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.