Biogás de Vinhaça Fina do Milho

Tempo de leitura: aproximadamente 4m24s

Estudo da Unicamp sobre o potencial de biogás da vinhaça fina do processo de etanol de milho destaca a viabilidade técnica e econômica dessa nova fonte de bioenergia. Confira!

Biogás de Vinhaça Fina do Milho
Foto: Divulgação/ Canva PRO
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Quartas de Divulgação Científica
Pesquisa

Biogás da Vinhaça Fina do Milho

Pesquisadores da Unicamp avaliam o potencial de produção de biogás a partir da vinhaça obtida no processo de produção de etanol de milho

Resumo do Artigo 

O artigo “Produção de etanol de milho com digestão anaeróbia de vinhaça fina para recuperação de bioenergia: uma avaliação técnica e econômica” com o título original “Corn ethanol production with thin stillage anaerobic digestion for bioenergy recovery: A technical and economic evaluation” foi publicado no Journal Industrial Crops and Products no Volume 206 de 15 de desembro de 2023.

Autores (as) 

O artigo foi escrito pelos (as) autores (as):

  • Henrique Di Domenico Ziero,
  • Larissa Castro Ampese,
  • Luz Selene Buller,
  • Josiel Martins Costa,
  • Mauro Berni,
  • Tânia Forster-Carneiro

Apresentação

O estudo teve como objetivo avaliar o potencial energético da vinhaça fina, subproduto do processo de etanol de milho, para a produção de biogás / biometano, visando a recuperação de bioenergia. O objetivo avaliar a viabilidade econômica e ambiental da geração de energia a partir da digestão anaeróbia de vinhaça fina em usinas de etanol de milho. 

Metodologia

A metodologia utilizada envolveu análises técnicas e econômicas detalhadas, considerando três cenários:

  1. Usina padrão de etanol de milho;
  2. AD-CHP - Utilização da vinhaça fina para produzir biogás por digestão anaeróbia e queima do biogás em um sistema de CHP;
  3. AD-BU - Purificação do biogás para obtenção e comercialização de biometano.

Foram estimadas a produção teórica de biogás, o design do reator UASB, a geração de energia térmica e elétrica, e as emissões evitadas de gases de efeito estufa no processo industrial.

Objeto do Estudo

Na pesquisa, o substrato (objeto do estudo) utilizado na digestão anaeróbia para produzir biogás é a vinhaça fina, que é um subproduto do processo de produção de etanol de milho. A vinhaça fina é direcionado para um tanque de equalização e posteriormente utilizado na produção de biogás por meio da digestão anaeróbia.

Principais Resultados

Os resultados obtidos indicaram que a digestão anaeróbia da vinhaça fina em usinas de etanol de milho pode gerar energia de forma eficiente e sustentável.

Os resultados demonstraram a viabilidade técnica e econômica da produção de bioenergia a partir da digestão anaeróbia da vinhaça fina, com a geração de energia térmica e elétrica, além da redução das emissões de gases de efeito estufa. Esses resultados destacam o potencial promissor dessa abordagem para a produção de bioenergia em usinas de etanol de milho, contribuindo para práticas mais sustentáveis na indústria de biocombustíveis.

⇒ Sintonize no Biogás: ouça episódios de podcast

Conclusão

A conclusão do artigo destaca a importância e viabilidade da geração de bioenergia a partir da digestão anaeróbia da vinhaça fina em usinas de etanol de milho. Os resultados obtidos demonstraram que a utilização desse subproduto para produção de biogás pode não apenas gerar energia de forma eficiente, mas também contribuir para a redução das emissões de gases de efeito estufa e promover práticas mais sustentáveis na indústria de biocombustíveis.

A abordagem proposta nos diferentes cenários avaliados mostrou-se promissora do ponto de vista técnico e econômico, destacando a importância de considerar alternativas de valorização de subprodutos em uma economia circular.

Acesso ao artigo completo

Divulgação Científica: para informações mais detalhada da metodologia utilizada e dos valores do potencial de biogás, entre outros resultados obtidos, acesse o artigo completo:

Referência Bibliográfica

ZIERO, Henrique Di Domenico et al. Corn ethanol production with thin stillage anaerobic digestion for bioenergy recovery: A technical and economic evaluation. Industrial Crops and Products, v. 206, p. 117618, 2023. DOI: 10.1016/j.indcrop.2023.117618   

Gostou do assunto?

Quer saber mais sobre o biogás no Brasil?



Todos os direitos reservados - Portal Energia e Biogás ®.

AVISO! O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

  • Carlos Roberto Xavier
    Carlos Roberto Xavier
    Excelente material....
    1 mês atrás Responder
    • Carlos, que bom saber que você apreciou o material! O estudo realmente traz informações valiosas sobre a utilização da vinhaça fina do milho para a produção de biogás. Espero ver mais iniciativas como essa sendo implementadas na indústria, promovendo uma transição mais sustentável e consciente.
      1 mês atrás